Como selecionar o melhor ERP para o seu e-commerce?

6 minutes to read

Com a grande expansão das vendas online, muitas empresas estão se adaptando para suprir essa demanda do mercado. É notável que várias delas passam por dificuldades nessa área por não adotar uma ferramenta eficiente que facilite todo esse processo, como um ERP para e-commerces.

Independentemente do segmento da sua empresa, contar com mecanismos automatizados e inteligentes é fundamental e, por isso, o uso de uma ferramenta de gestão deve ser considerado em seus negócios. Afinal, toda loja virtual precisa de um sistema que seja capaz de organizar sua administração online.

Pensando nisso, preparamos este texto para que você possa entender por que esse tipo de plataforma é importante e saber como selecionar uma ideal para a sua empresa. Confira!

O que é um ERP?

A sigla ERP quer dizer “Enterprise Resource Planning” — ou Sistema de Gestão Integrado. Essa ferramenta ajuda as empresas a otimizarem seus processos internos e também auxilia na integração das atividades dos variados setores, como finanças, vendas, estoque e recursos humanos.

Por meio da centralização dos dados em sistema único, o fluxo de informações da companhia se torna mais fluido e é compartilhado de maneira simples. Ao mesmo tempo, a plataforma é capaz de eliminar a duplicidade de informações.

Dessa forma, essa solução se acondiciona como uma base única e completa. Como resultado, observa-se o acesso a insights importantes, que auxiliam os gestores a tomarem decisões acertadas.

Como ele funciona?

Em um primeiro momento, esse tipo de sistema ajuda o gestor a gerir contas a pagar e a receber, controlar o processo de vendas e acompanhar os pedidos de compras. O ERP também auxilia na gestão de pessoas — por meio da oferta de dados sobre a produtividade dos colaboradores, por exemplo.

A integração das informações também aumenta a efetividade da gestão e oferece rapidez aos procedimentos. A comunicação entre os colaboradores passa a ser mais eficiente e os contratempos podem ser solucionados com agilidade. Isso é muito bom para os clientes e fornecedores, já que haverá menos impasses para eles.

Desse modo, fica nítido como sua empresa pode ser beneficiada com a utilização desse sistema de gestão. Contudo, entender o que é o ERP é apenas o primeiro passo. Essa solução fornece muito mais transparência às ações executadas e é uma forte aliada ao setor do e-commerce.

Como selecionar um ERP para e-commerce?

Agora que você já sabe mais sobre esse sistema, chegou a hora de selecionar um ERP para o seu e-commerce. Veja, a seguir, alguns passos fundamentais para acertar na sua decisão!

Faça um levantamento interno

Antes de procurar por algum fornecedor desse tipo de sistema de gestão, faça um levantamento de como está a sua empresa nesse momento. O objetivo é conhecer os seus processos de maneira mais profunda, compreender como a companhia funciona e que papel cada colaborador exerce.

O mapeamento de processos é fundamental para que você entenda quais são suas reais necessidades e onde há espaço para melhorias. Com os processos mapeados e uma ideia clara da suas necessidades, procure por essa característica nos sistemas ERP para e-commerces disponíveis no mercado.

Realize uma pesquisa de fornecedores

As opções de fornecedores são várias, mas cada um deles apresenta particularidades. Assim, é importante identificar as características que podem ser vantajosas para o seu e-commerce. Procure fornecedores capazes de atender as necessidades específicas do seu negócio.

Cheque as referências entrando em contato com outras companhias que usam ou já fizeram o uso do ERP. Assim, você pode ter informações precisas sobre o suporte oferecido, facilidade de uso e outros pontos relevantes a se considerar.

Não se limite ao presente

Um erro muito comum na hora de selecionar o ERP para e-commerces é considerar apenas a situação atual do empreendimento. Ao fazerem o levantamento interno, os gestores costumam ter como foco a solução dos problemas do momento, já que esse tipo de sistema servirá de apoio à empresa por um período.

Para que isso não seja um contratempo, a empresa deve optar por uma empresa especializada que tenha capacidade de se alinhar aos seus objetivos de crescimento, pois um sistema não deve limitar as suas atividades.

Um erro de planejamento pode limitar a capacidade de crescimento da sua empresa. Por isso, é importante considerar seus objetivos de crescimento e suas necessidades operacionais, incluindo esses fatores na lista de requisitos que devem ser atendidos pelo fornecedor. 

Planeje a implantação do sistema

A estratégia para a implantação é crucial. É interessante que você escolha um fornecedor que disponibilize um suporte completo e instantâneo, afinal, você vai precisar suportar operações em grande volume de dados com o seu ERP. 

Então, procure criar um plano de implementação que não cause prejuízos às suas vendas online. Caso contrário, você pode ter problemas em relação ao sistema antes mesmo que ele comece a gerar bons resultados.

Treine a sua equipe

Provavelmente, seus colaboradores ainda não estarão acostumados com o sistema. Então, é preciso treinar a sua equipe. Para isso, peça aos fornecedores os devidos manuais para a utilização do ERP e, caso eles disponibilizem métodos de treinamentos, invista nesse quesito.

Se você não puder assumir o treinamento para todos os colaboradores, faça isso, pelo menos, para os usuários-chave, que são as pessoas com mais experiência na área, e incentive o compartilhamento de informações no cotidiano do negócio. Com isso, todos vão se acostumando com a utilização do programa e a empresa tem apenas a ganhar com isso.

Entendeu por que é importante selecionar um ERP para e-commerces eficiente e que supra todas as necessidades da empresa? Se você ainda está em dúvida, considere que um dos principais benefícios desse sistema é a automatização de processos e, dessa forma, você poderá impulsionar as vendas do seu negócio!

Gostou deste post? Então, nos siga no Facebook e no LinkedIn, acompanhe nossas publicações e fique por dentro de assuntos como este!

Posts relacionados

6 thoughts on “Como selecionar o melhor ERP para o seu e-commerce?

Deixe um comentário