BPM BPM

O que é BPM e como ele pode ajudar a sua empresa?

6 minutes to read

As empresas têm suas metodologias próprias e precisam garantir que elas atendam às suas necessidades. O processo de otimização desses métodos, também conhecido como Business Process Management (BPM), é uma prática cada vez mais decisiva e que direciona as companhias a produzirem mais, com menor desperdício de tempo e de recursos.

Nesse sentido, um bom BPM é essencial para empresas que têm operações complexas ou, em um processo de escalada, precisem tornar essas atividades maiores e mais abrangentes. Mais do que simplesmente fazer mais, é preciso fazer adequadamente, garantindo, além de qualidade, dinamismo. Só o BPM pode ajudar tanto em transições quanto em revisões das etapas.

Neste conteúdo falaremos mais sobre o BPM, qual é o seu conceito e de que maneira ele pode ajudar uma empresa a otimizar suas atividades. Confira!

Afinal, o que é BPM?

O BPM é um conjunto de técnicas voltadas para a melhoria contínua dos processos que a empresa tem em sua gestão e operação. O objetivo dessa otimização é aumentar a produtividade, agilizar processos e, se possível, reduzir custos.

Os conceitos de BPM podem ser aplicados em companhias de qualquer tipo, desde fabricantes até fornecedores de tecnologia de telecomunicações. Quando as técnicas são utilizadas para analisar os métodos dessas organizações, o resultado principal é a automação de processos. Com isso, a agilidade operacional e a redução de erros são os retornos imediatos.

A análise de cada empresa

Jorge Garcia, Principal Analyst, BI and Data Management da Tecnology Evaluation Centers (TEC), explica que no processo de análise são consideradas as especificações de cada empresa, para então entender os seus processos e como eles impactam a operação e a gestão.

Essa análise envolve processar uma solicitação do cliente, autorizar um orçamento, monitorar solicitações, entre outras ações. No entanto, se a empresa escala sua operação, a tendência é que esse número de processos cresça, exigindo mais de um sistema.

Diante disso, é necessário que haja a infraestrutura tecnológica capaz de suprir toda a demanda. Nesse momento, o BPM entra em ação para garantir a otimização dentro da companhia.

A implementação de uma ferramenta especializada é capaz de oferecer o suporte necessário para que a empresa possa desenhar, executar e controlar os processos, garantindo que estes tragam os melhores resultados. Do contrário, pode haver uma limitação de produtividade que funcionará quase como um freio para as companhias.

Como funciona a análise de BPM?

Análise de BPM é um trabalho que estrutura um processo do negócio e estuda de que maneira ele funciona atualmente e como ele pode melhorar. Com tecnologias adequadas e o suporte de bons prestadores de serviço, as empresas conseguem analisar cada uma dessas etapas, de modo que a operação esteja cada vez mais no máximo de suas capacidades.

Jorge Garcia atenta para as 6 etapas principais que compõem uma análise de BPM. São elas, em ordem cronológica:

  • desenvolvimento do processo;
  • criação do modelo;
  • instalação do novo processo;
  • execução das novas etapas;
  • monitoramento das etapas;
  • otimização contínua.

Como a TEC utiliza o BPM para melhoria no meu negócio?

A TEC, por ser consultoria de seleção de sistemas empresariais, é capaz de dar todo suporte a uma organização na hora de escolher o sistema de BPM mais adequado para otimizar os processos, sempre levando em consideração as especificidades de cada cliente.

A metodologia de seleção prima por buscar no mercado a solução mais aderente às necessidades de cada empresa. Sua ferramenta de análise de software possibilita comparar milhares de funcionalidades, garantindo a seus clientes o melhor custo-benefício.

Nessa análise, a TEC se reúne com os representantes de cada departamento da empresa para ter um entendimento aprofundado desses processos já realizados. É nessa fase inicial que se torna possível entender as deficiências que marcam as práticas e o que os sistemas não conseguem atender. A partir disso, é possível desenvolver um estudo detalhado para encontrar o fornecedor de software capaz de atender essas demandas.

Essa análise vai gerar o relatório com os requisitos fundamentais das funções e características que o novo sistema precisa ter. Assim, a TEC consegue propor uma solução que seja realmente funcional, entregando tudo que a empresa necessita para sua rotina de gestão e operação.

A escolha do fornecedor

Com esses requisitos exclusivos devidamente levantados, a TEC consegue definir parâmetros essenciais e, com base neles, traçar um paralelo com os fornecedores capacitados a desenvolver sistemas que tenham todas essas exigências. A ideia é chegar em uma lista enxuta, ainda mais filtrada, para facilitar a tomada de decisão e torná-la mais precisa.

A partir dessa lista reduzida, a TEC prestará todo suporte para avaliar fatores qualitativos, gerando um modelo de decisão eficaz e preciso. Isso garante que, no fim dessa análise, o cliente tenha a solução perfeita para o seu negócio, com trâmites otimizados e aumento de produtividade, ou seja, o objetivo principal do trabalho.

Quais diferenciais da TEC para me ajudar nesse processo?

Você já viu como a TEC pode ser útil e desenvolver uma análise aprofundada, com uma lista de requisitos trabalhada no máximo de possibilidades. Dessa forma, conseguir uma escolha precisa se torna mais fácil. Entretanto, nesse processo, os diferenciais da TEC garantem que a precisão seja máxima, gerando muita satisfação nos clientes.

O principal diferencial da entrega de projetos práticos da TEC é o fato de ele ser orientado por dados. Isso significa que, nessa etapa de contato com o cliente, todas as necessidades são direcionadas para um banco de dados específico. Além disso, utilizam seu banco geral, o que permite aplicar em cada caso a experiência geral da empresa nesse trabalho.

A partir dessas informações, a tomada de decisão se torna automatizada, o que aumenta a probabilidade de uma escolha certeira, graças à análise de uma grande quantidade de informações, realizada por softwares de alto desempenho. Nesse processo, o grande diferencial é a redução de possíveis erros na escolha, garantindo ao cliente redução de tempo no processo de seleção, de custo de aquisição e de risco .

Uma boa análise de BPM é capaz de apontar quais soluções poderão levar a empresa a um patamar diferenciado em suas operações, além de otimizar a gestão. Com maior produtividade e redução de erros, é possível escalar o negócio e ter melhores resultados.

Precisando de ajuda nesse processo? Entre em contato com a TEC!

Posts relacionados

Deixe um comentário